Friday, October 06, 2006

Caminhos
A prepotência dos que se julgam íntegros enoja-me.
Ser-me-iam absolutamente indiferentes…

Se não se atravessassem segundo a segundo no meu caminho.

O mapa que assinala os trilhos dos que se crêem inatacáveis fere-me a vista.

8 Comments:

Blogger Lord of Erewhon said...

Bom recomeço! ;)

6/10/06 16:47  
Blogger Eclipse said...

concordo plenamente...
Abraço.

11/10/06 11:52  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Ana
Deixo-te aqui parte de mim, como tributo à tua excelência (na escrita e, porventura, em muito mais...). Sendo assim, confesso-me desintegrado, logo sendo menos um culpado dos teus problemas oftálmicos :)
Desculpa, mas estou com um humor....
Um beijo
Daniel

11/10/06 16:27  
Blogger mixtu said...

não há caminhos.. há caminhantes...

beijos europeus

12/10/06 23:41  
Blogger Menina_marota said...

Finalmente!!
E com uma bela mensagem!!!

Um abraço carinhoso e saudoso das tuas palavras ;)

14/10/06 13:00  
Blogger Friedrich said...

Os cães passam, fazemos-lhe uma festa pelo pêlo e a caravana passa sem deixar marcas no chão pelo seu rodado... Qual é esse o caminho(...)?

Um beijo

18/11/06 02:20  
Blogger Alex said...

o certo é poder voltar aos trilhos, percorrê-los e voltar a perder o sentido.



reencontrar depois.
Como estás?

18/12/06 16:44  
Blogger Eliane Accioly said...

O mismo se passa comigo!
Saludos

21/3/11 17:00  

Post a Comment

<< Home